domingo, 5 de abril de 2009

Voltando do teatro.......

Acabei de chegar em casa, voltando do teatro.
Assisti "O rei dos urubus". A peça é interessante, não só pela boa representação dos atores.. mas pq faz uma crítica à imprensa marrom, à hipocrisia humana, ao sadismo dos telespectadores, à manipulação da informação.. enfim, muitas coisas.
Mas, realmente, somos sádicos... queremos ver a desgraça alheia para nos sentirmos melhores... como se isso fosse fazer alguma diferença nas nossas vidas.. como se o outro estar mal fosse nos fazer ficar bem. Será que faz? Acho que a mim não faz.. vejo muita gente na merda, em todos os lugares... mas aquele raciocinio "ufa, tem gente pior do que eu por ai.." não funciona muito. Não me sinto menos mal por ter gente mais fudida no mundo. Também seria ridículo se sentisse.
Apesar disso, eu sou voyer.. eu não assino revistas de fofoca nem nada disso, mas sempre acabo sabendo das coisas, vejo algo em algum site, me informo.. já fui tiete e já soube muito mais da vida privada de pessoas que não conheço do que sei da vida de muitas pessoas que até conheço.
É meio tosco isso.. meio não, totalmente.
Se formos ver direitinho, acho que não existe mais vida privada né?Até os famosos anônimos já não são anônimos coisa alguma no mundo do orkut (do qual eu participo).. é.. acho que tenho que parar de pensar. Estou ficando muito radical.
Extremismo não vai me levar a lugar nenhum nesse mundo.

Um comentário:

Gustavo Martinho disse...

o tempo que as pessoas passam tentando deixar as outras pessoas piores...poderia ser gasto para melhorar a própria vida...
e isso não é só sobre o sadismo...
mas também sobre a nescessidade de comentar sobre a vida alheia...

radicalismo é o que estraga qualquer idéia, crença ou caminho...
mas empolgação nunca é demais!